Notícias Coronaví­rus

Quais principais dificuldades em tratar o tema Saúde Mental nas empresas?

atualizado em 30/09/2020

Embora o tema esteja tão em evidência com a pandemia do novo Coronavírus, doenças como a depressão fazem parte do cotidiano dos brasileiros. A Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) estima que entre 20% e 25% da população tiveram, têm ou terão um quadro de depressão em algum momento da vida.

Desta forma, é fundamental que as empresas estejam atentas e preparadas para atender essa demanda. De acordo com o psicólogo e professor da FAE, Edgar Pereira Jr, muitas empresas ainda não têm clareza da importância de oferecer esse suporte, uma vez que os resultados não são imediatos. 

Mas há o lado do trabalhador, que não se expressam, não compartilham o que sentem, sob o risco de serem demitidos. "Não é difícil identificar relatos de trabalhadores que temem serem discriminados e, por isso, decidem esconder os sintomas", afirma o especialista.

Mas por onde começar? O psicólogo orienta que o primeiro passo deve ser dado pela empresa, mostrar que se importa e que saúde mental não é frescura. "É preciso quebrar este tabu e encarar o fato com normalidade. E claro, promover um espaço de "segurança psicológica" em que as pessoas possam compartilhar suas perspectivas livremente e sejam respeitadas e valorizadas", frisa Edgar.


Saiba mais: https://seconciorienta.sindusconpr.com/

Compartilhe


Publicidade

Parceiros

Receba por e-mail

Cadastre-se e receba nossas newsletters.

+ -